Nasa admite ter sido invadida por hackers 13 vezes em 2011

Em depoimento ao Congresso americano, inspetor-geral da agência disse que invasores tiveram acesso completo aos sistemas.

Paul Martin, inspetor-geral da Nasa, admitiu em depoimento a um painel do Congresso americano nesta sexta (2) que hackers invadiram redes da agência 13 vezes no ano passado, roubando credenciais dos funcionários e obtendo acesso a projetos considerados “críticos” – que poderiam comprometer a segurança dos EUA.

Um número levantado durante a audiência é que a agência espacial americana gasta apenas 58 milhões de dólares de seu orçamento anual de 1,5 bilhão de TI em cibersegurança.

“Alguns sistemas de informação da Nasa armazenam informações sensíveis, que, se perdidas ou roubadas, podem resultar em perda financeira significativa, prejudicar a segurança nacional, ou prejudicar significativamente a vantagem competitiva dos EUA”, disse.

De acordo com o depoimento, técnicos da agência descobriram em novembro que hackers invadiram a rede do Laboratório de Propulsão a Jato da Nasa (JPL). A investigação demonstrou que eles usaram o IP de um laboratório chinês, mas isso não é prova definitiva.

Martin afirmou que eles ganharam acesso total, e puderam permitiu modificar, copiar ou apagar arquivos confidenciais, criar contas de usuário para sistemas críticos do JPL e fazer upload de ferramentas para roubar credenciais e comprometer outros sistemas da Nasa. Eles também foram capazes de modificar os logs do sistema para esconder suas ações, disse.

fonte: http://www.idgnow.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s